Exposição de fotos conta a história do Carnaval de Serra Negra

11/02/2015 11:35:49

A Prefeitura Municipal por meio da Secretaria da Educação e Cultura organiza a exposição de fotos “Déjà vu Confetes e Serpentinas”, tema da Escola de Samba Estrela da Guia deste ano, conta a história dos Carnavais de Serra Negra. Encontra-se aberta para visitação no saguão do Paço Municipal, Praça John F. Kennedy, s/n, centro, de segunda à sexta-feira, das 13h às 18h.

A exposição perpassa desde o século passado até os dias atuais. O carnaval em nossa cidade era simples, como qualquer cidadezinha do interior. Na década de 30, seguindo os sucessos do Rio de Janeiro e São Paulo e com a cidade transformada em estância de cura e repouso, o nosso carnaval passou a se destacar. Na década de 40, o carnaval na cidade era apresentado em blocos , geralmente pelos clubes.

A cidade dispunha de três: Clube 1º de Janeiro, Clube 7 de Setembro e Clube XV de Novembro. Entre os blocos que desfilaram pelas ruas, o Clube 1º de Janeiro se destacava porque era considerado clube de elite. Os demais eram populares e as suas presenças sempre animadas.

Naquela época o que vem a nossa lembrança, são os cordões que desfilavam pelas ruas e pelo jardim principal, fazendo os tradicionais zigue-zagues. Mais tarde nos salões, as marchinhas da época faziam com que os cordões continuassem com o nosso entusiasmo.

Na década de 40 surge o 1º rei momo da cidade, Oswaldo Saragiotto. Em 1946 o clube XV de Novembro lança o 2º rei momo, Alcebíades Felix, que chegou de trem da Mogiana e depois foi transportado por um carro alegórico até a praça central.

Dentre tantas outras lembranças, a exposição mostra fotos históricas dos carnavais da cidade, com agradecimentos das informações e fotos cedidas por Nestor Souza Leme, Terezinha Leda Gallo, Zé Vicente (Snec Clube), José Alclides Tomazi, conhecido como Dentinho, Aurora Vitorino Duzzi, Mirian Fagundes Bortolotti, Alcebíades Felix , Dona Lazinha - carnavalesca e incentivadora, Marco Ducheschi - radialista e motivador de atividades culturais em Serra Negra e Cólmeia - cantor e compositor de diversos sambas enredos de nossa cidade (falecido em 2012).

Vale a pena conferir mais essa exposição cultural produzida pela Secretaria da Educação e Cultura, sob direção da Divisão de Cultura que destaca estar em constante pesquisa sobre o tema e, solicita a quem possuir fotos, recordações, relatos, documentos, vídeos etc, para enviar ao e-mail casadacultura@serranegra.sp.gov.br ou contato pelo fone (19)3842-1439. 

Voltar

Fotos

LOCALIZAÇÃO
Praça John Kennedy, S/N - Centro
Palácio das Águas - CEP: 13930-000
Serra Negra, SP - (19) 3892-9600
Horário de Atendimento ao Público: as 13:00 as 18:00
CANAIS OFICIAIS
           
Logo Desenvolvido por Frequência